Perfil:
Blog Titulares Da Notícia


Arquivos:

Amigos (0)::

POSTS

Pesquisa boca de urna Sãojo Paulo.
28/10/2012 às 16:06

IBOPE

Ouviu 6000 eleitores hoje. Margem de erro de 2%.

Haddad 58% x Serra 42%

VOTE CERTO

Ouviu 800 eleitores hoje. Margem de erro de 4%.

Haddad 54% x Serra 46%(Empate Técnico)

Instituto Veritá

Ouviu 1200 eleitores hoje. Margem de erro de 3%.

Haddad 55% x Serra 45%



Comentários



Onda de violência em São Paulo pode atrapalhar possível reeleição de Alckmin em 2014.
28/10/2012 às 15:57

 A onda de violência que ocorre em São Paulo, a guerra entre polícia e PCC pode prejudicar o atual governador Alckmin em uma possível reeleição em 2014.

A atitude do governador, que recusou ajuda do governo federal pode prejudicá-lo ainda mais caso a onda de violência não seja contida pela própria polícia paulista.

Até esse momento o Estado já tem como pré-candidatos: Alexandre Padilha, Aloizio Mercadante, Eduardo Suplicy e Marta Suplicy, pelo PT; Geraldo Alckmin pelo PSDB; Luiza Erundina e Paulo Skaf pelo PSB; Soninha Francine e Roberto Freire pelo PPS; Paulo Maluf pelo PP.

Pela última pesquisa da ONG Vote Certo em Agosto, Alckmin tinha aprovação de 70% dos paulistas, que aprovavam o governo como ótimo ou bom, 10% como regular e 3% como ruim ou péssimo. Já a nota média de 0 a 10 do governador ficou em 7,7.



Comentários



Divulgada primeira pesquisa eleitoral para o planalto em 2014.
21/10/2012 às 16:46

A pesquisa ouviu 3000 eleitores entre Agosto e Outubro.

Estão incluídos os pré-candidatos: Dilma Rousseff, José Serra, Eduardo Campos, Marina Silva. Em outras pesquisas também se inncluem os pré-candidatos Geraldo Alckmin, Beto Richa, Aécio Neves e Antônio Anastasia, todos do PSDB. Entre os tucanos, Alckmin teria o melhor desempenho segundo a pesquisa.

1-Com Serra

Dilma 51%

Serra 23%

Eduardo Campos 14%

Marina 9%

Outros candidatos3%

2-Com Alckmin 

Dilma 47%

Alckmin 30%

Eduardo Campos 13%

Marina 7%

Outros 3%

3-Com Beto Richa

Dilma 55%

Eduardo Campos 18%

Marina 12%

Beto Richa 11%

Outros 4%

4-Com Aécio Neves

Dilma 49%

Aécio 24%

Eduado Campos 16%

Marina 8%

Outros 3%

5-Com Anastasia

Dilma 50%

Marina 20%

Eduardo Campos 15%

Anastasia 11%

Outros 4%

Também foi feito um cenário com Dilma contra cada um dos pré-candidatos

1-Dilma x Serra

Dilma 57% x Serra 43%

2-Dilma x Alckmin

Dilma 53%x 47% Alckmin

3-Dilma x Beto Richa

Dilma 71% x Beto Richa 29%

4-Dilma x Marina

Dilma 64% x Marina 36%

5-Dilma x Eduardo Campos

Dilma 57% x Eduardo Campos 43%

6-Dilma x Aécio

Dilma 56% x Aécio 44%

7-Dilma x Anastasia

Dilma 54% x Anastasia 46%



Comentários



Pesquisa mostra que eleitores de Osasco não aprovam resultado das eleições.
15/10/2012 às 19:03

Uma pesquisa realizada pelo instituto Veritá, encomendada pelo PSDB-SP, mostra que eleitores da cidade de Osasco desaprovam o resultado das eleições, com a vitória de Jorge  Lapas(PT) após a impugnação da candidatura de Celso Giglio(PSDB). A pesquisa ouviu 1500 eleitores entre 8 e 11 de Outubro. 48% dos eleitores desaprovam a eleição de Lapas. Do total de eleitores 52% acham que deve haver segundo turno, 28% optariam pela realização de uma nova eleição.

A pesquisa também perguntou se o segundo turno fosse hoje, em quem votariam. Jorge Lapas aparece atrás de Celso Giglio, porém ambos tecnicamente empatados, a margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Celso Giglio 45,23%-entre 41,23% e 49,23%

Jorge Lapas 43,77%-entre 39,77% e 47,77%

Brancos/Nulos/Indecisos 11%

Placar sem Brancos/Nulos/Indecisos

Celso Giglio 50,8%-entre 46,8% e 54,8%

Jorge Lapas 49,1%-entre 45,1% e 53,1%

São Paulo

Também a pedido do PSDB, o Instituto Veritá fez pesquisa em São Paulo-SP. Foram ouvidas 1700 pessoas entre 8 e 11 de Outubro. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos. Haddad aparece pouco a frente de Serra, mas ambos estão tecnicamente empatados. Surpreende o número de votos brancos, nulos e de eleitores indecisos.

Fernando Haddad (PT) 36,42%-entre 32,42% e 40,42%

José Serra (PSDB) 35,21%-entre 31,21% e 39,21%

Brancos/Nulos/Indecisos 28,37% 

Placar sem Brancos/Nulos/Indecisos

Fernando Haddad (PT) 50,84%-entre 46,84% e 54,84%

José Serra (PSDB) 49,16%-entre 45,16% e 53,16%

Rejeição

José Serra 37%

Fernando Haddad 36%

Ambos 18%(quem não votaria em nenhum dos dois candidatos)

Não Sabe 9%



Comentários



Partidos iniciam articulação para eleições 2014.
14/10/2012 às 09:36

Nem acabaram as eleições de 2012 e os partidos já deram início às articulações pela campanha de 2014. Os partidos oposicionistas ao  governo federal já lançam seus primeiros pré-candidatos ao governo estadual e à presidência, o PSDB junto ao PSD, PPS e DEM, já têm Aécio Neves e Geraldo Alckmin como pretendentes ao Palácio dos Bandeirantes, no caso da vitória de Serra como prefeito de SP, se Serra sair derrotado é provável que seja novamente o candidato da oposição, em silêncio, PSD estaria lançando pré-candidaturas de Afif para governador no caso da impossibilidade de Alckmin se candidatar, ou até mesmo de Gilberto Kassab.

PSDB, DEM e PPS por sua vez dão preferência à continuação do governo Alckmin, ou ao lançamento de um dos pré candidatos já conhecidos: o senador Aloysio Nunes (PSDB), o vereador paulistano Andrea Matarazzo (PSDB), ou o deputado Roberto Freire (PPS). Pré-candidatos a vice seguem sendo Afif, Bruna Furlan (PSDB), entre outros.

O PT pretende lançar Mercadante, Haddad, Eduardo Suplicy, João Paulo Cunha ou Marta Suplicy pré-candidatos ao governo. O PSB se divide entre o apoio a Alckmin ou o lançamento da candidatura de Paulo Skaf, presidente da FIESP, ou da deputada federal e ex-prefeita Luiza Erundina. O PMDB também já dá como certo o apoio a Alckmin, mas possui internamente candidatos como Gabriel Chalita e Francisco Rossi. 

Celso Russomano do PRB também deve ser um dos candidatos. José Maria Eymael (PSDC), Levy Fidélix (PRTB), Anaí Caproni (PCO) entre outros também são candidatos certos.



Comentários